CONSULTORIA

Ferramentas de coaching ontológico e inovação dão o tom do treinamento para equipes da OR – Pertencer e Inovar: As Mudanças Internas e Externas

Pertencer e Inovar: As Mudanças Internas e Externas. Esse foi o tema do treinamento realizado pela OR, empresa de empreendimentos imobiliários do Grupo Odebrecht. Nos dias 21 e 22 de setembro e 2018, uma equipe de 40 pessoas entre gestores de diversas áreas da Bahia e Pernambuco se reuniram em Salvador para trabalhar em dois eixos: o eixo interno e externo.

Partindo da premissa que todo sistema organizacional é um sistema humano e a inovação vêm das pessoas, na primeira metade do treinamento, Sabina Deweik, coach e caçadora de tendências, aplicou as ferramentas do coaching ontológico para trabalhar, protagonismo, julgamentos, senso de equipe, confiança, pontos importantes para desenvolver a inovação de dentro para fora.

Na segunda metade do treinamento, a equipe recebeu metodologias de observação e interpretação de comportamentos e tendências e um conteúdo sobre os novos comportamentos para depois colocar a mão na massa. Ao final do workshop, a OR saiu com 6 ideias de startups prototipadas para seguir como projetos de futuro da empresa.

 

Workshop de Cool Hunting como Ferramenta de Inovação para O Boticario

Como estimulara inovação nas equipes? Qual o papel da pesquisa de tendências e comportamentos? Várias equipes do Grupo O Boticario resolveram experimentar o processo de caçar tendências com o Workshop promovido por Sabina Deweik, Cool Hunting como Ferramenta de Inovação nos dias 17 e 18 de julho de 2018.

As novas tendências em hair e skin care, a metodologia de cool hunting, um safari urbano especialmente preparado para o time e no final mão na massa para experimentar na prática como trazer insights para o futuro através da observação de novos comportamentos.

 

Equipe de marketing da Neoway recebe palestra sobre tendências e comportamento

No dia 2 de julho de 2018, a equipe de marketing da Neoway, empresa pioneira no desenvolvimento de soluções em Big Data, recebeu a palestra de Sabina Deweik sobre os novos paradigmas do futuro e as novas tendências emergentes e sua relação com a nova tecnologia.

Hoje não é mais possível pilotar um negócio sem estar conectado com a inovação e com a análise de cenários. Através do trabalho como caçadora de tendências e pesquisadora, Sabina consegue antever mudanças de comportamento. A Neoway de outra forma também faz análises através do cruzamento de dados e algoritmos que permite tomar melhores decisões, prevenir riscos e aumentar vendas.

 

 

Virada Empreendedora – Arena Futuro e Inovação

Como será que perceberemos as tendências no futuro?

No dia 11/06 às 11 hs 

contece a Arena do Futuro e Inovação com o painel “O Futuro das Análises de Tendências”. O tema será debatido com Sabina Deweik, fundadora da Think Foward; Luis Rasquilla, CEO da INOVA Consulting; Luciana Stein, palestrante na América Latina na TrendWatching;  e Adriana Muratore, conselheira de Estratégia, descobriu o prazer em mentorar e investir em startups por meio da Endeavor Brasil e Mulheres Empreendedoras.

Com o tema “Tendências e Inovação em Empreendedorismo”, a sétima edição da Virada Empreendedora será realizada nos dias 10 e 11 de junho de 2017. O evento já se consagrou como um dos maiores sobre empreendedorismo no Brasil e é realizado de forma totalmente colaborativa, seja por parte dos curadores das arenas de conteúdo, e/ou pelas parcerias estratégicas de serviços e materiais para a sua realização. Neste ano serão dois dias de atividades realizadas na sede da Fundação Getúlio Vargas (FGV) em São Paulo (Rua Itapeva, 432).

Mais informações:

http://viradaempreendedora.com.br/futuro #inovação #VE #empreendedorismo #tamojunto

às a

À Caça de Novidades

Tudo o que a gente usa, consome e vê por aí, desde o tecido do sapato até o corte de cabelo, passando pela maneira de servir nos restaurantes e as intervenções artísticas nas ruas, cruzou nosso caminho por algum motivo. Se algo é considerado tendência ou inovação, certamente não foi à toa, e passou por um processo elaborado, envolvendo muitas pessoas, até chegar às nossas mãos. Por trás de tudo isso estão os profissionais chamados de coolhunters ou caçadores de tendências. Nesta entrevista, Sabina Deweik conta como desenvolveu sua carreira e dá dicas para quem quer empreender este caminho. Aqui você lê a matéria completa e assiste o vídeo!

http://community.motorola.com/pt-br/blog/caca-de-novidades

caça de novidades

Cool Hunting: Pesquisa de Campo com Sabina Deweik

O chamado cool hunter, profissional treinado para captar tendências e novos comportamentos, é considerado hoje uma antena sensível, capaz de indicar novos desejos do consumidor, estilo de vida, anseios e valores. Com isso, empresas posicionam-se de maneira a antecipar tendências futuras.

Safari na Oscar Freire

A professora pega a arma de caça. É uma câmera fotográfica. E saímos para a exploração. O “safári urbano” é parte do curso de “cool hunting” que Sabina Deweik dá na Escola São Paulo. Na expedição pelas ruas Oscar Freire e Augusta, explica o que é essa “profissão do futuro” e ensina a língua dos experts em adivinhar seus desejos.

Matéria completa